07/09/2013

Em menos de três horas, bombeiro fica paralítico após vírus raro atacar medula espinhal



Chris foi diagnosticado com mielite transversal; condição afeta 300 britânicos por ano
O bombeiro Chris Wardman, de 41 anos, que mora em Yorkshire, na Inglaterra, ficou paralítico em menos de três horas após um vírus raro atacar sua medula espinhal. As informações são do site Daily Mail desta sexta-feira (6)

Durante uma partida de futebol, Wardaman sofreu dores fortes no peito e, logo depois, perdeu todo o movimento da cintura para baixo.
— Parecia que eu estava tendo um ataque cardíaco ou um AVC (Acidente Vascular Cerebral)

Ao chegar ao hospital, o homem foi diagnosticado com mielite transversa — processo inflamatório agudo que acomete as substâncias branca e cinzenta da medula espinhal. A condição, que afeta cerca de 300 britânicos por ano, é resultado do ataque do sistema imunológico aos tecidos saudáveis
Se a medula espinhal sofrer esta inflamação, os sinais nervosos do cérebro para o corpo podem ser interrompidos

Segundo os médicos, cerca de 70% dos doentes não conseguem se recuperar, mas um tratamento à base de fisioterapia intensiva pode ajudar a reduzir os sintomas. Wardman não perde as esperanças e está determinado a voltar a andar. 
— Estou determinado a me tratar por causa da minha família

Internado no hospital, o bombeiro só consegue sair algumas horas por semana para visitar os filhos e a mulher.
— Todos os dias eles vêm me visitar, mas não é o mesmo que estar em casa

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário